Confira abaixo a carta aberta que os fundadores da Alice enviaram ao time a propósito da aquisição da startup Cuidas, em novembro de 2021. Detalhes sobre esse capítulo tão importante da nossa história podem ser encontrados aqui.

O melhor, menor time do mundo

Em março de 2019, quando nos juntamos para começar a Alice, tínhamos três certezas, que permanecem inalteradas hoje.

A primeira é o fato do nosso objetivo de tornar o mundo mais saudável ser um dos maiores e mais difíceis problemas a serem resolvidos pela humanidade.

A segunda é a convicção de que a junção de Atenção Primária e tecnologia é o caminho para começar essa jornada.

A terceira é que a Alice deve ter o melhor, menor time do mundo pra ser bem-sucedida.

Nos últimos quase 3 anos trabalhamos incessantemente tomando decisões pautadas por essas certezas. Lançamos uma gestora de saúde que já tem mais de 5 mil membros apaixonados, construímos nossa própria Atenção Primária (Time de Saúde), criamos 100% do tech stack da Alice, e, finalmente, temos mais de 500 Pitayas excepcionais que são o coração da nossa cultura e o motor do nosso rápido progresso.

Há dois meses tivemos a oportunidade de conhecer a Deborah e o João, fundadores da Cuidas. Almoçamos juntos e a ficha caiu rápido: tínhamos que aprofundar nosso entendimento da Cuidas, e eles da Alice.

As conversas continuaram nas semanas seguintes, e ficou óbvia a semelhança da cultura e valores, assim como nossos sonhos e objetivos de longo prazo.

Os pilares da Cuidas – atenção primária, tecnologia e experiência – conversam diretamente com a Alice, além disso, os modelos de saúde são semelhantes.

Acima de tudo, o que mais nos impressionou sobre a Cuidas foi a qualidade do time, começando pela Deborah e pelo João.

Eles foram competentes em trazer outras pessoas incríveis, que ajudaram a construir praticamente do zero os times de atenção primária e engenharia; o que nos despertou mais vontade de juntar forças.

E assim nasceu a decisão de fortalecer ainda mais uma das certezas da Alice: ter o melhor, menor time do mundo.

A partir de hoje, a Alice adquire a Cuidas; e como consequência, os Cuiders tornam-se Pitayas.

Os novos Pitayas terão papel fundamental para o crescimento da Alice. Também passam a viver nossa missão: tornar o mundo mais saudável e praticar as nossas 6 Virtudes.

Essa transação também ajuda Alice a se preparar para entrar no segmento corporativo ao longo de 2022. Porém, o modelo de negócio atual da Cuidas provavelmente será descontinuado.

Parafraseando o João, que escreveu um lindo texto para o time da Cuidas – “Estamos exageradamente empolgados de agora sermos parte do time brasileiro que tem as maiores chances de democratizar o acesso à saúde de qualidade. Juntos, vamos chacoalhar esse sistema de saúde caótico que temos hoje. Vamos, juntos, provar ao Brasil que é possível entregar um melhor equilíbrio entre acesso e qualidade em saúde.”

Viva o melhor, menor time do mundo!

Guilherme Azevedo, André Florence e Matheus Moraes

23 de novembro de 2021 (no dia do aniversário do Gui – que presentão!)